Dicas para escolher o modelo ideal de calça flare

July 21, 2016

Apesar de bastante democrática, para se usar uma flare Jeans é importante que a mulher se atente a alguns detalhes. Sabendo escolher o modelo ideal e combinando com as peças certas, não há dúvida que o visual ficará incrível
💢Mulheres baixas: para as mulheres com estatura mais baixa é importante tomar cuidado porque o modelo de calça pode achatar ainda mais. A dica é usar com salto alto e blusas do mesmo tom da calça, ou seja, se o jeans for mais claro, aposte na blusa mais clara e vice-versa.
💢Mulheres plus size: a mulher plus size deve apostar na calça flare jeans, pois o modelo alonga a silhueta. “Ela também equilibra coxas grossas e quadris largos. Dê preferência para calças lisas, sem lavagens”, orienta a personal stylist.
💢Mulheres de quadril largo: já quem tem o quadril largo deve apostar na flare jeans sem medo. Apesar de ser mais justa nesta parte do corpo, o seu formato largo nas pernas ajuda a alongar a silhueta, equilibrando-a.
💢Alongar a silhueta: a flare jeans é o melhor modelo de calça para alongar a silhueta. Para Natália, com salto alto e a parte cima do mesmo tom da calça são truques para deixar a silhueta alongada. A barra longa, cobrindo o sapato, mas não arrastando no chão, ajuda também neste truque.
💢Tom da calça: os tons escuros, sem lavagens são ideais para simular uma silhueta mais magra.

O blazer é o complemento ideal para arrematar looks com flare jeans. Além de acrescentar uma sofisticação ao visual, ele ajuda a definir o corpo, acinturando a silhueta e ajudando a disfarçar o quadril.Para quem quiser adicionar mais elegância ao visual, sem dúvidas é o complemento que não pode faltar. Também ajuda a criar um look mais fácil de ir a um ambiente de trabalho, já que , por esconder os braços, o visual fica mais formal.

Para a combinação ganhar um ar mais despojado quebrando um pouco da elegância que a calça flare confere ao look, vale a pena apostar em t-shirts. Com a camiseta o visual fica bastante moderno e você tem a facilidade de não errar, pois é fácil combinar as duas peças.Apostando em acessórios certeiros, como um sapato mais chique e um maxi colar, o visual ganha ares de modernidade e sofisticação e pode facilmente ser usado no ambiente de trabalho ou em restaurante, barzinhos.....

#make #amo #top

Dica de maquiagem :                                                                 Com apenas uma colher vc pode : curvar cílios ,evitar borrões, acertar o delineador.

A nossa querida Marina Rui barbosa está diva com esse corte, e o ruivo  está bombando nessa estação (  inverno )😍😍👏👏

#lançaperfume

O Macacão é uma peça super versátil que eu sempre gostei, mesmo antes da moda que estourou nas últimas coleções. Mas ainda existem pessoas que tem preconceito em relação a esse item, porque não sabe montar os looks ou acha estranho usar uma peça inteiriça.Hoje em dia há macacões de todas os estilos, para o dia e para noite, para jantares, festas e até casamentos mais chiques. Elie Saab, por exemplo, é um dos estilistas que mais explora macacões em seda, com recortes, mangas amplas e fluídas e capas anexas e suas coleções são um arraso.Você pode apostar em uma peça de jeans, sarja ou malha para o dia, usando com tênis ou flats ( sapatilhas, rasteirinhas, sapatos masculinos ), numa peça em crepe ( de seda ou de poliéster ) para um jantar ou uma festa mais especial e em tecidos como seda, renda e cetim para casamentos.O macacão é prático, porque é uma peça inteira e você só precisa pensar no sapato e na bolsa! Eu adoro e tenho adotado como curinga mesmo, para jantares e festas.

A Over The Knee é uma bota de cano alongado que ultrapassa o joelho, e vem sendo tendência de Outono-Invernos passados e prometem fazer mais sucesso esse ano. Elas são consideradas super sensuais e chamam atenção de qualquer um. Você pode equilibra-la usando peças mais casuais como jeans, casacos amplos e até mesmo peças em tricô.  #lançaperfume

Lindo look da personagem da Larissa manuela

Isabella fiorentino  arrasa com esse look

A diferença entre estilo e moda

July 18, 2016

A questão não é estar na moda mas, sentir-se bem.
É sempre possível encontrar pessoas vestidas com as melhores roupas de costureiros famosos e assim mesmo não parecem bonitas e elegantes. Falta alguma coisa: estilo!

Estilo é diferente de moda: vem de dentro para fora. A moda passa e o estilo não. O caminho para encontrar o seu próprio estilo é conhecer e aprender a combinar a sua personalidade com o seu visual.

Lembre-se: um estilo não se compra como a moda, é adquirido através dos anos. E jamais copie o estilo de alguém. É muito importante cada pessoa encontrar o seu.

Eleja uma - ou mais - qualidades em você que lhe agradam e procure valorizá-la sempre. Acrescente a isso um ou dois itens como determinada cor ou acessório e torne-os obrigatórios em sua forma de vestir-se no dia a dia.

Uma vez produzido(a) faça o teste do espelho e do sofá. Se você gostar do que viu no espelho vá em frente e sente-se no sofá: se estiver confortável e você se sentir bem, está no caminho certo.

Se ainda tiver dúvidas, procure enxergar-se através dos olhos dos outros. De preferência a opinião de alguém da família ou um super amigo (a) que lhe conheça bem e fale a verdade !

O essencial de uma pessoa que tem estilo é ser fiel a si mesma. É por isso que ela tem estilo e quem tem assume tudo. Até os seus pontos fracos. Faça dos seus pontos fracos o seu charme - não tente disfarçá-los.

Se dentro da sua personalidade e do seu estilo a preferência é por calça jeans rasgada ou camiseta branca básica, os detalhes farão a diferença entre a elegância casual e um visual desleixado: use sapatos sempre bons e atenção na escolha das bolsas.

Para ser monocromático é preciso muito estilo: tudo de preto pode parecer o zorro e tudo branco baiano em festas de final do ano. Não se esqueça que o estilo é uma espécie de marca registrada. Quem o adota, deve ser fiel a ele por muito tempo. Assim, adote elementos que não "cansem".

Gravatas borboletas, suspensórios e correntes de ouro só se você quiser realmente deixar registrada a sua presença. Por serem muito marcantes é preciso prestar mais atenção a escolha.

A definição das peças é fundamental para acertar qualquer figurino. Portanto é melhor comprar poucas peças boas do que uma porção de saldos na baciada.

Xales, botas e calças de couro de cobra... Enfim, dos pés a cabeça com peças da moda e de grife nem mesmo com muito estilo. Combine algumas peças da moda com o seu próprio guarda-roupa. É o seu estilo !

Paciência: é preciso tempo e autoconhecimento para criar o seu estilo. Finalmente, você não é obrigado (a) a adotar um estilo marcante. Esse pode ser o seu estilo: uma pessoa de personalidade suave que se adapta ao momento e a moda com facilidade.